Hospedagem Grátis

Loja Virtual Grátis

Loja Virtual Grátis
Patrocinador

Microsoft anuncia o fim do MSN Messenger



 A Microsoft oficializou por meio de um post o fim do MSN Messenger, ferramenta de conversa instantânea criado em 1999, que deve se integrar ao Skype até o primeiro trimestre de 2013. Segundo a nota, o Messenger deixará de funcionar em todos os países onde opera – com exceção da China.
“Queremos focar nossos esforços em tornar as coisas mais simples para nossos usuários enquanto continuamos a desenvolver a experiência de todo o ambiente”, justifica a empresa.



O Skype, comprado pela Microsoft em 2011, deve integrar totalmente os recursos e contatos dos usuários do Messenger, diz o anúncio. Em verdade, o serviço de voz por IP já usa os sistemas do Messenger para mensagens em 80% de suas mensagens instantâneas e para boa parte de suas chamadas.
Há algum tempo, o MSN vem perdendo terreno para outras ferramentas de comunicação instantânea como o GTalk (do Gmail), o chat do Facebook e o próprio Skype.
Para aderir, o usuário deve baixar a última versão do Skype – a 6.0, disponível para Mac e Windows – ou atualizá-lo.
Após instalar ou atualizar o Skype, o usuário será convidado a entrar com sua conta Skype ou criar uma “conta Microsoft”. A partir daí, haverá a opção por unir os contatos do Messenger e do Skype em apenas uma lista. Para evitar desorganização, há na tal lista a opção de visualizar todos os contatos, só os do Messenger ou só os do Skype.
Por: estadao.com.br

0 Comentario "Microsoft anuncia o fim do MSN Messenger"

link patrocinado

Saldão de Eletros

Sua loja grátis

Copyright

É expressamente proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo e dos textos disponíveis no site principal (http://www.pridecommerce.com), no fórum de discussões, no boletim de notícias enviado por email e em nas nossas páginas em redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube etc.), seja através de mídia eletrônica, impressa ou qualquer outra forma de distribuição, mesmo citando a fonte e colocando link para o artigo original. Os infratores serão indiciados e punidos com base nas leis nº 9.610 de 19/02/1998 (Brasil), Digital Millenium Copyright Act (DMCA) (EUA) e diretiva 2001/29/EC (União Européia).



Não nos responsabilizamos por danos materiais e/ou morais de qualquer espécie promovidos pelo uso das informações contidas em nosso site, em nosso fórum de discussões, nosso boletim de notícias ou em publicações feitas em redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube etc.).



Opiniões emitidas por usuários e moderadores não necessariamente refletem a opinião da Pride Commerce e de sua direção.