Hospedagem Grátis

Loja Virtual Grátis

Loja Virtual Grátis
Patrocinador

'Feycebuk': veja como os brasileiros buscam o Facebook no Google

Termo 'Faceboock' é o mais procurado entre os internautas do Brasil, que já teve 550 mil buscas

Feicebuk? Mark Zuckerberg e sua equipe devem ter motivos de sobra para se divertir. Não bastasse o IPO que deixou diversos funcionários da empresa milionários, a rede social tem a chance de saber como os usuários chegaram até o Facebook. No caso dos brasileiros, a busca feita no Google mostra resultados um tanto curiosos, para não dizer engraçados.
 


 
A Web Córtex, uma empresa de marketing digital, publicou um infográfico para mostrar como a população pesquisa pelo Facebook no gigante de buscas. De acordo com a companhia, os dados foram obtidos através da ferramenta de palavra-chave do Google, ou seja, ao digitar a palavra no espaço em branco, o site oferece algumas sugestões que podem ajudá-lo a encontrar o que estiver procurando.

O termo mais buscado é o "Faceboock", com 550 mil pesquisas. Em seguida vem o "Feicebook", com 135 mil e, em terceiro lugar, o "Face boock", com 33 mil. No infográfico abaixo, você confere outros termos usados pelos internautas na busca pelo famoso Facebook.





0 Comentario "'Feycebuk': veja como os brasileiros buscam o Facebook no Google"

link patrocinado

Saldão de Eletros

Sua loja grátis

Copyright

É expressamente proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo e dos textos disponíveis no site principal (http://www.pridecommerce.com), no fórum de discussões, no boletim de notícias enviado por email e em nas nossas páginas em redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube etc.), seja através de mídia eletrônica, impressa ou qualquer outra forma de distribuição, mesmo citando a fonte e colocando link para o artigo original. Os infratores serão indiciados e punidos com base nas leis nº 9.610 de 19/02/1998 (Brasil), Digital Millenium Copyright Act (DMCA) (EUA) e diretiva 2001/29/EC (União Européia).



Não nos responsabilizamos por danos materiais e/ou morais de qualquer espécie promovidos pelo uso das informações contidas em nosso site, em nosso fórum de discussões, nosso boletim de notícias ou em publicações feitas em redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube etc.).



Opiniões emitidas por usuários e moderadores não necessariamente refletem a opinião da Pride Commerce e de sua direção.